Resenha: A Escolha dos Três [A Torre Negra II] - Stephen King

quarta-feira, 28 de novembro de 2018


Título: A Escolha dos Três  [A Torre Negra II]
Autor: Stephen King
Classificação: 4.4 [Skoob]
Páginas: 416
Editora: Suma de Letras
Gênero: Fantasia, Ficção Científica, Suspense



No livro anterior da série, O Pistoleiro, conhecemos Roland Deschain e o acompanhamos em sua grande busca pela Torre Negra. Ele enfrenta vários obstáculos para encontrar o Homem de Preto que parece ter as respostas que tanto procura. Não temos informações sobre este lugar em que os personagens se encontram, apenas sabemos seu objetivo.


Após finalmente confrontar o Homem de Preto, ele acaba revelando  o futuro de Roland através de cartas de tarô, e as únicas pistas que ele tem agora sobre a Torre Negra são um homem chamado "O Prisioneiro", uma mulher chamada " Dama das Sombras" e uma forma escura que é tecnicamente "A Morte". Sem entender muito o que deveria fazer com essas informações, o Pistoleiro fica apenas na praia que já estava, e ali cansado, no início da noite acaba sendo atacado por criaturas estranhas que saem do mar. E após quase morrer ele ainda tenta achar forças para continuar a procura pela Torre.

Ao se deparar com uma porta misteriosa no caminho por onde andava, percebe que teria que começar por ali sua jornada, e cumprir o que imaginou que fosse sua primeira tarefa, achar O Prisioneiro. Sendo assim Roland terá mais duas portas para adentrar, que o levam a um mundo totalmente diferente do seu, e que vão o transportar para onde se encontra A Dama das Sombras e A Morte. E ele terá que descobrir o porquê destas pessoas estarem no seu caminho para encontrar A Torre Negra.


Imaginei que teria mais respostas neste segundo volume da série, mas apenas criou mais perguntas. Não posso negar que o desenvolvimento do livro foi bem interessante, e fiquei bem surpresa com o significado dos títulos, Prisioneiro, Dama das Sombras e Morte para cada personagem que vai aparecendo, e a distinção de cada um. É um pequeno elenco peculiar e intrigante, e cada acontecimento que leva Roland a eles é muito bem trabalhado. Algumas partes do enredo é bem cansativo, principalmente porque ainda não me acostumei com linguagem e descrição do Stephen King.

Como gosto de livros onde o personagem tem que cumprir etapas para chegar ao seu objetivo, com certeza vou continuar a série, principalmente porque estou super curiosa para saber porque a Torre Negra é tão importante para o Pistoleiro, e como ele vai chegar até ela.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.