Resenha: Um Tom Mais Escuro de Magia [Shades of Magic #1] - V.E. Schwab

quinta-feira, 4 de outubro de 2018


Título: Um Tom Mais Escuro de Magia [Shades of Magic #1]
Autora: V.E. Schwab
Classificação: 4.3 [Skoob]
Páginas: 420
Editora: Grupo Editorial Record
Gênero: Fantasia Urbana, Young Adult, Ficção, Magia
4.5
Um Tom Mais Escuro de Magia nos apresenta um mundo que existe universos paralelos e são conectados por uma cidade mágica. Sendo assim temos quatro Londres cada uma com características específicas, a Londres Cinza é a cidade esquecida, já que ela não tem magia mais, a Londres Vermelha é o reino próspero onde a vida e a magia andam em sincronia, a Londres Branca é a cidade faminta por magia, onde lutam pelo seu controle e drenam a cidade da vida e prosperidade que a magia poderia trazer, e por fim mas não menos importante a Londres Preta, que a magia consumiu e ninguém mais fala dela.



E na Londres Vermelha conhecemos Kell, um dos últimos de sangue Antari, uma raça que tem a habilidade de viajar entre estes universos paralelos. Ele é encarregado de enviar correspondências mensais entre a Realeza de cada Londres, pois este era o único modo das cidades se conectarem e saber como estavam. Porém, Kell não levava apenas cartas, secretamente em cada viajem que fazia ele contrabandeava algum item que achava interessante, principalmente bugigangas da Londres Cinza que não possuía magia e tinha criações excepcionais. Tudo o que trazia ficava escondido, já que era tecnicamente um crime fazer aquilo.

Nestas idas e vindas de colecionar objetos, Kell acaba trazendo algo que não deveria nem ter saído de uma Londres, e vai gerando mil problemas, que se se torna um bola de neve, e ele era o único que poderia arrumar toda a bagunça. Em meio a toda essa confusão também conhecemos Lila, uma jovem ladra, que a princípio vai ser uma dor de cabeça para Kell, mas que depois se torna uma grande parceira para reparar os danos que o objeto trago por ele causou.

V.E. Schawab criou um universo diferente e super interessante, que mescla muito bem com seus personagens peculiares e super originais. Eu amei o Kell e a Lila, as personalidades deles são bem diferentes, mas te atraem de um modo incrível, onde você só quer descobrir mais um pouco sobre seu passado, sua origem, e o que eles fariam a seguir.

O início do livro é um pouco lento e até meio parado, mas como sempre digo, é aquela grande introdução para o mundo diferente que estamos adentrando, portanto é algo esperado.  As cenas de ação na história são muito boas, assim como o plot principal da história. O Livro tem um final bem fechadinho, com  pequenas pontas para serem esclarecidas no segundo livro da trilogia, portanto estou curiosa para saber o que mais teremos na jornada de Kell e Lila.

Um Tom Mais Escuro de Magia é indicado para os fãs de Fantasia, que estão dispostos a conhecer um novo mundo cheio de Magia e personagens misteriosos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.