Resenha: A Melodia Feroz [Monstros da Violência #1] - Victoria Schwab

quinta-feira, 29 de junho de 2017


Título: A Melodia Feroz [Monstros da Violência #1]
Autor(a): Victoria Schwab
Classificação: 4.4 [Skoob]
Páginas: 384
Editora: Seguinte
Gênero: Young Adult, Fantasia, Distopia

"Doze anos desde o Fenômeno, quando a violência começou a tomar forma e a Cidade V desmoronou.
Seis anos desde a trégua que a restaurou, não como uma cidade, mas como duas.
E quatro desde o dia em que August despertou no meio de um refeitório sendo isolado com fita de cena de crime."

No mundo criado pro Victoria Schwab, a violência gera monstros verdadeiros, de cada ato criminoso pode surgir um novo monstro, e eles são divididos em três raças Corsais, Marchais e Sunais, e no meio os humanos tentando se defender.

Os EUA não existem mais, os estados foram divididos novamente e a cidade de Veracidade está em guerra desde estão, dividida entre Norte e Sul, cada parte sendo liderada por um comando que entrou em uma trégua após um período de guerras territoriais que aconteceu após o grande Fenômeno que assolou o mundo. Kate Harker está de volta à cidade e deseja se tornar tão cruel e manipuladora quanto seu pai, um dos líderes da cidade que vende proteção aos humanos e escraviza os monstros, August Flynn deseja ser como seu pai, o líder do outro lado, um homem bondoso que tenta impedir que mais guerra e violência seja gerada. August vai ser enviado em uma missão para ficar de olho em Kate em uma nova escola, mas ele guarda um segredo que pode destruir os dois lados da cidade, ele é um dos monstros mais poderosos que pode sugar almas apenas com uma nota musical, mas quando uma revolta entre as raças dos monstros começa a acontecer, August e Kate vão precisar se unir se quiserem sobreviver.



Meu primeiro contato com Victoria, uma autora que já tinha curiosidade por ouvir tantos comentários positivos sobre suas histórias, e não me arrependi, com uma narrativa instigante ela leva o leitor a esse mundo totalmente inovador e também um pouco assustador, com personagens cativantes e uma trama intensa me vi presa aos detalhes de A Melodia Cruel. 

Kate é uma protagonista incrível, totalmente independente, ela deseja ser uma referência como seu pai, exceto que ela não sabia que ele possuía um lado tão perverso. Enquanto tenta ajudar nas questões políticas da cidade e provar seu valor, ela vai conviver com August e tentar descobrir quais são os segredos que ele esconde. Gostei muito da atitude dela, principalmente por ser uma mulher num ambiente hostil, a autora trabalhou bem a personalidade dela.

August é doce, achei ele um protagonista que está se autodescobrindo no mundo Ainda, sua lealdade a família, seu altruísmo e bondade me conquistaram, foi um personagem que provou que todos temos o bem e o mal dentro de nós, e que ele era o dono de suas escolhas. A história reveza os pontos de vista Entre os dois e podemos ver e compreender melhor o ponto de vista de cada um ao longo do livro.
"August tentava imaginar como o pai fora antes do Fenômeno - antes da violência dar lugar aos corsais, aos malchais e aos sunais, antes da anarquia, das fronteiras fechadas, da rivalidade interna, do caos."
Apesar do grande envolvimento dos personagens, o romance deixou a desejar, mas não perdi as esperanças de que teremos mais desenvolvimento nessa parte nos próximos livros #torcendopeloship. A autora trouxe uma história totalmente nova nesse ambiente distópico que já estava um tanto quanto saturado, e acredito que ainda poderá aprofundar muito mais nos próximos livros da série que vem por aí. 

"O garoto tentou imaginar a Cidade V como devia ter sido: duas metades em guerra em volta de um centro sangrento. Na Cidade Norte, Harker. Na Sul Flynn. Aqueles dispostos a pagar por sua segurança contra aqueles dispostos a lutar por ela. Morrer por ela."

Sobre a Série:

A série está sendo publicada no Brasil pela Editora Seguinte, que manteve a capa original. O segundo volume foi lançado recentemente lá fora, ainda sem data de publicação no Brasil. 
Confira a capa internacional:

Um comentário :

  1. Oi, Carla!!

    Estou bem curiosa sobre esse livro! Já li um dela publicado pela Record e também achei muito interessante.
    Gostei da história e dos personagens e já está na lista! Hahahaha
    Espero gostar tanto quanto você. :)

    Bjs!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.