Resenha: A Primavera Rebelde [Falling Kingdoms #2] - Morgan Rhodes

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Título: A Primavera Rebelde [Falling Kingdoms #2]
Autora: Morgan Rhodes
Classificação: 4.3 [Skoob]
Editora: Seguinte
Páginas: 424
Gênero: Fantasia, Young Adult

Pode Conter Spoilers de :
A Queda dos Reinos [Resenha] 
Em A Queda dos Reinos, nós presenciamos exatamente o que o nome do livro propõe, a queda de dois reinos, Paelsia e Auranos, e a grande jogada do Rei de Limeros, Gaius, que agora é a pessoa que domina toda a Mítica. Após tomar Auranos para si, o Rei agora vive no castelo que pertenceu à familia da princesa Cleo, que no momento é prisioneira dele, e está sendo sujeita a fingir para seu povo que está tudo bem que uma nova pessoa está no poder, e que a morte da sua família foi apenas um dano da guerra.

Mas o Rei Gaius não quer apenas o domínio de toda essa terra, por motivos misteriosos ele ordenou a criação de uma estrada que passaria pelos três reinos, e ela teria que estar pronta o mais rápido possível. E o porquê disto tudo?  O rei que tanto adora manter controle sobre os outros e sempre está um passo á frente de todos, na realidade está seguindo ordens de uma conselheira misteriosa, e ele se recusa a revelar para qualquer um, quem ela é.


Além dos segredos do Rei no castelo em Auranos, também temos o príncipe Magnus, que sempre procura a aprovação do pai, e ainda não consegue esquecer o grande amor proibido que nutre por sua irmã. E a princesa Cleo, que tenta seguir em frente sendo prisioneira do rei sanguinário, e ao mesmo tempo pensar em modos de conseguir seu trono de volta. São duas pessoas que estão ali submetidas às ordens de Gaius, e por mais que se odeiem vão ter seu futuro traçado por uma união que não imaginavam. 

Em outra parte do castelo encontramos a princesa Lucia, que após descobrir que era uma feiticeira e ser forçada a usar a magia por seu pai, o Rei Gaius, na batalha contra os reinos, entrou em coma, e nenhum curandeiro sabia como curá-la. Então em seus sonhos profundos Lucia recebe visitas de um lindo garoto misterioso, que diz saber tudo sobre ela e que pode ajudá-la a controlar seu grande poder.

E fora de Auranos, nos deparamos com Jonas, o Paelsiano que tem sede de vingança, e quer fazer de tudo para tirar o novo Rei do poder, e libertar o povo de Paelsia, da miséria e exploração que  os dominaram, e o trabalho escravo na construção da grande estrada do rei. Portanto agora Jonas é o líder dos rebeldes e pretende fazer tudo o que pode para recrutar mais pessoas, e acabar com a tirania de Gaius.


Sendo assim durante o enredo vamos acompanhar todos os personagens em suas conflitos internos e decisões perigosas. Com a narração em terceira pessoa sendo direcionada a um determinado personagem em cada capítulo, conseguimos presenciar todos os acontecimentos em cada canto de Mítica. Além da grande busca pela Tétrade, que é mais explorada nesta sequência, e desastres naturais que estão acontecendo misteriosamente pelos reinos.

Mais uma vez Morgan Rhodes me prendeu totalmente na leitura, mesmo que eu tenha demorado para finalizar. Como disse na minha resenha de "A Queda dos Reinos", estamos caminhando em uma teia de aranha que vai se interligando em vários pontos, os quatro personagens que sempre tem mais foco, Magnus, Cleo, Jonas e Lucia, as decisões que o Rei Gaius toma, o desenvolvimento de novos personagens e por fim toda a história que o reino, Mítica, tem a nos revelar. Tudo está conectado e com certeza o caminho pelo qual a autora está nos levando para os próximos livros serão surpreendentes.

As indicações vão novamente para quem gosta de um bom livro de fantasia, com muita política envolvida e uma trama e personagens incríveis.

Um comentário :

  1. Oi, Nik!!!

    Ainda não comecei essa série, mas estou bem curiosa!!! A ideia de interligar os fatos e ficar algo pendente me chama a atenção. Fora que eu adoro o gênero.
    Espero gostar tanto quanto você!!

    Bjs

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.