Resenha: Alma? [O Protetorado da Sombrinha #01] - Gail Carriger

segunda-feira, 10 de outubro de 2016


Título: Alma? [O Protetorado da Sombrinha #01]
Autor(a): Gail Carriger
Classificação: 4.3
Páginas: 308
Editora: Valentina
Gênero: Romance Sobrenatural, Steampunk

Para a senhorita Alexia Tarabotti, a sociedade vitoriana tem sido muito injusta com sua pessoa. Primeiro porque onde já se viu uma garota ser obrigada a se casar simplesmente para não se tornar uma pária da sociedade e considerada encalhada? Segundo porque quando conhecemos nossa protagonista ela acaba de ser atacada por ninguém menos que um vampiro em um baile, que ela foi obrigada a matar em legítima defesa. Na sociedade londrina vitoriana que conhecemos aqui, existem vários tipos de criaturas sobrenaturais convivendo normalmente, vampiros, lobisomens, fantasmas, e no caso de Alexia, preternaturais, uma habilidade muito peculiar e incomum.

Lorde Connan Maccon, o conde de Woolsey, um lobisomem muito sexy, sagaz e temperamental é o responsável pela investigação da morte do vampiro e outros casos relacionados a morte de sobrenaturais que vem acontecendo em Londres. Ele e Alexia não se dão muito bem, ou gostariam de se dar bem e são orgulhosos demais para admitir, e por isso uma certa tensão vai se construir ao longo da trama. Enquanto investiga Alexia como suspeita dos casos, a garota tenta esconder de todos as suas habilidades, e afinal de contas o que está acontecendo?

Tudo bem, esse livro não é exclusivamente um romance de época, mas como se passa no século XIX, achei que pudesse agradar alguns que gostam de uma mistura inusitada. Esse foi um dos primeiros livros do gênero Steampunk que li, e posso afirmar que se tornou um dos meus gêneros favoritos! Se você quer saber mais do que se trata, pode clicar aqui e conhecer um post com indicações do gênero, mas resumidamente temos uma sociedade do século XIX, na era Vitoriana, onde se misturam um pouco de ficção científica e um pouco de fantasia, basicamente a receita pra me ganhar em qualquer livro, e aqui ainda temos o adendo do romance totalmente envolvente que Gail criou.


Alexia é uma mocinha bastante escandalosa para o seu tempo, primeiro por estar muito avançada na idade para se casar, por isso já é considerada uma solteirona até mesmo dentro da sua casa, segundo por ser muito inteligente e bastante intrometida, o que não é de bom tom para uma dama solteira, e terceiro por possuir um dom raro e incomum que ela precisa esconder de muitos. Ser uma preternatural, ou sem alma, faz com que ela possa anular os poderes de criaturas sobrenaturais que a tocam, e esse dom pode vir a ser perigoso se ela cair em mãos erradas.

Quando vampiros recém criados começam a aparecer sem possuir um clã ou alguma educação, sobre como ser um vampiros e etc, e muitos assassinatos começam a acontecer, Lorde Maccon entra em ação para investigar o caso, e parece que a bisbilhoteira Srta. Tarabotti sempre está envolvida em alguma confusão.

A escrita de Gail é recheada de um humor muito inteligente, um pouquinho de suspense e um romance de tirar o fôlego. Me pegava ansiosa pelas discussões de gato e rato entre Lorde Maccon e Alexia, além de me fazerem rir, eles me faziam suspirar com suas piadas sarcásticas e discussões sem sentido. A Londres do século XIX por si só já encantadora, mas quando descrita por uma autora habilidosa e narrada por uma personagem incrível, se torna sem sombra de dúvidas uma das leituras mais prazerosas que já fiz. E o universo sobrenatural criado pela autora também não deixou a desejar em nenhum momento, inclusive estava super com saudade de ler alguma coisa que envolvesse vampiros e lobisomens e universo sobrenatural, mesclado ainda com uma época que adoro, não tinha a menor chance de não ter amado esse livro.
"O conde segurou o queixo da srta. Tarabotti com uma das mãos enormes e, com a outra, puxou-a pela cintura, com firmeza em sua direção. Seus lábios tocaram os dela quase com violência.
Ela recuou.
- O que está...?
- Só desse jeito você fica quieta!"
Apesar de ser um livro detalhado e cheio de reviravoltas, ele é bem curto, e tão fluido e envolvente que quando nos assustamos já finalizamos a leitura e queremos muito mais. Apesar de ser uma série, o fechamento desse primeiro volume foi muito bom, temos ganchos para continuar (que bom!), mas para os que tem medo de finais avassaladores e não querem ficar desesperados pelo próximo livro, podem fazer a leitura desse tranquilamente, tenho certeza que você também vai se apaixonar por Steampunk (e pelo Lorde Maccon).


Sobre a Série:
Ao todo temos cinco livros, que estão sendo publicados no Brasil pela Editora Valentina. O Quinto volume ainda não possui data de lançamento.

   Timeless (Parasol Protectorate, #5)

11 comentários :

  1. Eu acho essa capa linda, mas não me interesso pela história. Espero que uma hora eu leia, hahaha.

    Beijos!

    http://boookclicks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. OMG que livro incríveeel!!Pela capa eu achava que era só mais um livro de romance de época,que por sinal,eu gosto bastante kkk.Mas é muito mais do que isso.Com mistérios e seres sobrenaturais que eu amoo desde criança.Amei sua resenha e fiquei bastante curiosa pra ler essa série.Bjss!

    ResponderExcluir
  3. Oii! Tinha lido uma ou outra resenha da série, achei super diferente dos livros q já li até hj, fiquei com mta vontade de ler, já q tdos flam super bem da série...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Adoro a capa desse livro e porque não dizer, dos outros livros da série também. Eu o tenho em minha estante mas ainda não li. quero ter os outros em mãos também, para depois começar a ler, porque sei que uma vez começado vou querer saber tudo o que acontece. Sou assim, sempre muito curiosa com séries. Gostei da sua resenha.

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha, confesso que quando vi a capa dos livros e li a sinopse a historia não me interessou muito, mas como um dia estava sem nada para ler (mentira, tinha muita coisa)resolvi dar uma chance e amei, devorei os 3 primeiros livros.

    ResponderExcluir
  6. Nunca li nada do gênero. Mas parece interessante... mistura louca! Kkkk
    As capas não me chamaram atenção. Na verdade, achei bem estranhas... a única que salva é "Inocência".
    Resenha muito boa... de certa forma, até despertou certo desejo de ler a série..

    ResponderExcluir
  7. Também ainda não li nada do gênero, mas me sinto atraída pela leitura, principalmente após ler sua resenha. Adoro personagens bem escritos, envolventes, e cativante, ainda mais com diálogos divertidos e carismáticos. A trama por ser cheias de reviravoltas me deixou bastante curiosa, além da escrita da autora ser fluída, o que deixa a história ainda melhor.

    ResponderExcluir
  8. Hello! Tudo bem?
    Sou doida para ler essa série, ate tenho os livros, mas livros que nao li é mato aqui em casa hahaha.
    Adorei o que falou da Alexia, já vi que vou gostar dela como protagonista.
    Nunca li nenhum Steam Punk, mas pelo que vi eu acho que vou gostar mto, tem varios elementos que eu sempre gosto nas leituras.
    As capas sao lindas demais, so do quarto livro que nao fui mto com cara dele hehe.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  9. Olá, o livro parece ótimo, vi ele a algum tempo no skoob, está na minha lista mais ainda não tive a oportunidade de comprar, acho engraçado que apesar de o livro indicar ser muito bom ainda seja pouco conhecido, quero dizer não tem muita repercursão, e tem livros que nem são tão bons e ganham uma repercursão gigantesca...

    ResponderExcluir
  10. MEUS DEUS SE EU JÁ QUERIA LER ESSE LIVRO,AGORA LENDO ESSA RESENHA EU TO HDFHUFIUGUIUF ai preciso,apesar de estar fugindo de sagas e séries,eu tenho que ler esse livro. Nem sabia que existia esse genero,ate ir em um evento da valentina. Já tenho marcador,agora só falta o livro <3

    ResponderExcluir
  11. Esse livro esta a algum tempo na minha lista de compras, esperando uma oferta rs. Adoro esse gênero sobrenatural. A personagem é das boas, pois esta a frente do seu tempo e que dom bem diferente esse que ela tem e bem perigoso também.

    ResponderExcluir

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.