Resenha: A Garota do Calendário: Fevereiro - Audrey Carlan

sexta-feira, 22 de julho de 2016


Título: A Garota do Calendário: Fevereiro
Autora: Audrey Carlan
Classificação: 3.8 [skoob]
Páginas: 135
Editora: Verus
Gênero: Adulto, Erótico

Para quitar uma dívida de seu pai Mia aceita trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia. Cada mês ela será designada a um cliente, e em Fevereiro ela irá para Seattle, onde terá a oportunidade de posar como musa de um grande artista francês, Alec Dubois.

Dubois é totalmente encantador e focado em seu trabalho, e para ele Mia é a perfeita modelo para sua próxima exposição. Porém, as obras de arte de Alec, conquistam prestigio e glamour por serem profundas e incomuns. E para que tudo ocorra perfeitamente, o francês irá inspirar Mia de um modo bastante íntimo, que irá mudar a personagem significativamente.
- Por falar nisso, onde estão minhas roupas? - perguntei com a boca cheia.
- Ele se debruçou sobre o lado oposto da ilha da cozinha e mordeu uma fatia de bacon. Suas sobrancelhas se franziram.
- Que Roupas?
...
- Ma jolie, não existem roupas porque não estou planejando que você use nada enquanto estiver aqui. Você é a minha musa, e eu quero ver o seu corpo, as suas curvas e ângulos da melhor forma possível.
Apesar do seu envolvimento com seu novo cliente, Mia ainda não consegue ignorar as lembranças de Wes que permeiam sua mente, principalmente por ele ter dito que sempre estaria esperando por ela. Todavia, Alec consegue distraí-la de todos os modos, tanto em suas sessões de fotos, quanto na arte da sedução. Fazendo ela perceber que todos os seus envolvimentos, durante o período de doze meses, irão mudá-la de algum modo.

Em A Garota do Calendário: Janeiro mencionei várias qualidades da protagonista. No entanto, nesse segundo volume, nos deparamos com uma personagem mais insegura, com diversos conflitos passando em sua mente, lhe fazendo se tornar uma pessoa madura rapidamente. Já Alec, com toda sua excentricidade, irá ensinar Mia através de suas sessões de fotos, que ela precisa a se valorizar mais, que existem muitas fases na vida e que ela irá aprender com elas, exclusivamente quando se trata de amar aos outros e a si mesma.

Audrey Carlan mantém uma escrita agradável e fluída, mas em fevereiro com o artista Dubois, a narrativa passa a ficar mais intensa, principalmente pelo modo diferente como ele vê e interpreta as coisas. Em certas cenas Mia perdeu aquele humor e leveza que tinha no mês anterior, muitas vezes era bem mesquinha e dava alguns chiliques. Apesar da série possuir doze livros, eles são bem curtinhos e você consegue realizar a leitura em uma viagem de ônibus voltando do trabalho e até mesmo no horário do almoço. É uma leitura recomendada, pra quem gosta de romances mais picantes e leituras rápidas.

Prévia do mês de março: Nossa protagonista será contratada para fingir ser noiva de Anthony, um italiano ex-lutador de boxe e dono de um conjunto de restaurantes super famoso de Chicago.  (¬‿¬)



xoxo~

4 comentários :

  1. Oi, Nikolle!!

    Gosto muito da série porque depois da metade do ano, a vida de Mia muda em um rumo totalmente novo.
    Nem tudo serão flores, mas é muito legal toda a jornada de descoberta. A vida dela vai mudar por conta de todas as pessoas que ela irá conhecer, mas a vida de todas as pessoas que a conheceram também serão alteradas.

    Espero que continue gostando!
    Adorei a resenha e espero que logo pegue os próximos livros também!! :D

    Bjs

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *-* também quero os próximos logo Carol!
      É realmente bom ver o quanto a personagem muda e cresce de um livro para outro.
      nem imagino o quanto irá mudar até o último mês /o\

      bjbj

      Excluir
  2. Oi Nikolle!
    Tenho visto resenhas bem contraditórias sobre os livros da série: uns ressaltam o que você ressaltou: que é uma leitura leve e rápida. Outros acham a trama toda muito vazia e o comportamento da protagonista injustificável. Como não é meu estilo de leitura, nem vou arriscar, mas que bom que vc está gostando :)
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana, realmente é um livro rápido sem muitas delongas ou aprofundamento em certos pontos. mas vai de gosto de gênero como você disse :3

      Excluir

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.