#Tag: Meu Marido Literário

domingo, 15 de setembro de 2013

Hey Bookaholics! 
Este post está um pouco atrasado, desculpem. 
Mas hoje vocês vão conferir as respostas  da tag que o a  Thaynara Koti do Livros Com Bolinhos nos indicou.


Vem ver o que respondemos  >.<
...



1- A personalidade forte e destemida, o sarcasmo e o fato de ele me fazer rir durante um livro. Na maioria das vezes eu gosto dos bad boys sarcastiscos que te fazem suspirar durante todo o livro, mas também já fiquei apaixonada pelo mocinhos bonzinhos.
2- Acho que o fato de ele querer proteger tudo e todos e não deixar a mocinha fazer suas próprias escolhas  é o que mais me incomoda.
3- No momento estou apaixonada pelo principe Dhiren (Ren como ele prefere ser chamado) de A Maldição do Tigre. Mas eu nunca vou largar o meu Jace de Instrumentos Mortais *---*

 ...



1-  Além de lindo, tem que ter aquele tom sarcástico e ter atitude. Estou me apaixonando pelos estilos bad boys tatuados,mas que são protetores e que sabem mostrar seu lado apaixonado. (é o vicio no new adult que tá aumentando a cada dia).
2- O que menos me atrai no personagem, e quando ele se submete a uma pessoa e esquece de tudo e de todos e seu mundo se torna exatamente uma bolha.
3- Meu  marido literário no momento eu acho que é o Noah (No Limite da Atração), difícil escolher pois eu amo o Lucas (Easy) e o Andrew (Entre o Agora e O Nunca) e o Jace (The Mortal Instruments) e muitos outros. Mas eu sempre vou amar lá no fundo do meu coração o Patch Cipriano (Saga Hush Hush).

...

1- Depois de ler certos livros acho que se tiver um estilo bad boy, ta tudo ótimo... Porque depois que você acaba conhecendo a historia dele, vê porque são assim, ou por agirem de certos modos. Se é irônico ou sarcástico melhor ainda. Não muitos cheios de si, e que se acham demais, mas tem que ter personalidade forte, e que sempre está ali quando você esta precisando. Normalmente me apaixono pelo vilão da historia, mas agora estou me apegando aos mocinhos (que na realidade são os bad boys). E uma coisa que me atrai mais são as tatuagens.
2- Aquela coisa chata do personagem achar que é dono da menina, não gostar que ela não faça nada por suas próprias escolhas. Ou então quando acham que sabem qual a melhor solução para as coisas, sentindo que na realidade é a pior hipótese.
3- O meu marido literário sempre vai ser o Percy (que na realidade não entra nos critérios que citei acima, mas ele é o meu principal nos livros de aventura que sempre leio), mas depois de ler Hush Hush e Instrumentos Mortais fiquei na duvida porque me apaixonei pelo Patch e pelo Jace. E no momento estou apaixonada por Travis Maddox de Belo Desastre.


Blogs Indicados para responder a Tag: 

Obs.: O blog indicado responde a tag se quiser é claro. :)

Agradeço a Thay por ter lembrado do Paradise Books e nos indicado! 
Adoramos saber que estão nos acompanhando. >.< 
Bjs! 

6 comentários :

  1. Olá,

    Muito legal a Tag e as respostas de vocês. O meu marido literário do momento e de sempre é o Mr. Darcy de Orgulho e Preconceito. Omg! <3

    Beijinhos,
    Carol Estrella
    Romances e leituras (www.romanceseleituras.com)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol! Que bom q você também jâ tem seu marido literário! *----*
      Se quiser responda a tag no seu blog também e veja oq as pessoas acham da sua escolha.

      Bjinhos! *-*

      Excluir
  2. Adorei as respostas ^^
    Beijos

    Thaynara
    Livros com Bolinhos

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pela indicação querida, mas eu já respondi a esta tag, se quiser dar uma olhada: http://amoremler.blogspot.com.br/2013/08/tag-literaria-3.html

    Acho que vou brigar com todas vocês pelos maridos, hahaha Adorei as respostas.
    Beijos!

    Amor em Ler
    Promoção ativa no blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem Wellida, pode deixar que eu vou conferir!
      Bjs!

      Excluir

Hey, gostou da postagem?
Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
O Paradise Books agradece seu comentário, obrigado pela visita!
obs.: Não respondemos comentários em anônimo; Não é permitido o uso palavras ofensivas; Não compartilhamos livros, isso vai contra a política de direitos autorais.